Arquivo da tag: projeto luminotécnico

Projeto luminotécnico

Não basta ter uma excelente solução de arquitetura, se não apostar em uma iluminação adequada para valorizar o projeto. O projeto luminotécnico caminha junto com o arquitetônico.

As mini dicroicas criam um ambiente aconchegante, principalmente em livings e varandas. Se o ambiente for uma sala de jantar, vale investir também em lâmpadas AR70, que criam um efeito cênico, e nas halopins, muito utilizadas em pendentes, que conferem mais modernidade e elegância aos espaços.

Nos ambientes sociais, como salas de estar e hall, também vale lançar mão de jogo de luzes proveniente de luminárias de chão ou abajures. O efeito cênico dessa composição dá boas vindas a quem chega, além de criar um clima extremamente acolhedor.

Neste projeto, que fiz em parceria com a arquiteta Ana Lucia Salama, contamos com o apoio e a experiência da Puntoluce.

© Giacomo Favretto

© Giacomo Favretto

Projeto luminotécnico

Não basta ter uma excelente solução de arquitetura, se não apostar em uma iluminação adequada para valorizar o projeto. O projeto luminotécnico caminha junto com o arquitetônico.

As mini dicroicas criam um ambiente aconchegante, principalmente em livings e varandas. Se o ambiente for uma sala de jantar, vale investir também em lâmpadas AR70, que criam um efeito cênico, e nas halopins, muito utilizadas em pendentes, que conferem mais modernidade e elegância aos espaços.

Nos ambientes sociais, como salas de estar e hall, também vale lançar mão de jogo de luzes proveniente de luminárias de chão ou abajures. O efeito cênico dessa composição dá boas vindas a quem chega, além de criar um clima extremamente acolhedor.

Neste projeto, que fiz em parceria com a arquiteta Ana Lucia Salama, contamos com o apoio e a experiência da Puntoluce.

© Giacomo Favretto

© Giacomo Favretto

Como usar a iluminação em casa

Um bom projeto luminotécnico é responsável por atrair charme, beleza e aconchego aos ambientes. Mas apostar na iluminação ideal, de acordo com cada cômodo, não é tão simples. É necessário planejar com cuidado e atenção para não tornar os espaços pouco ou muito iluminados.

Em primeiro lugar, deve-se levar em conta o bem-estar dos moradores, iluminando adequadamente cada canto e tirando o melhor partido de cada função. Iluminação embutida em gesso, rasgo no teto, spot em trilhos, pendentes ou luminárias de chão, cada tipo cria um efeito, e se for usada em conjunto, então, faz milagres em um ambiente.  Contratar um projetista ou arquiteto para pensar em uma iluminação adequada para cada ambiente vale muito a pena, pois se errar na medida e na intensidade da luz a própria decoração fica comprometida. Veja alguns projetos que realizamos onde o projeto luminotécnico é o protagonista!© Giacomo Favretto

IMG_2381

IMG_4565

IMG_4961

IMG_9127

IMG_9171